Demon Knights – Corre, corre Mulher Maravilha! Exoristos tem muito mais atitude!

Por Venerável Victor  “a Amazônia é nossa!”  Vaughan

Etrigan não se interessa por nada ali a não ser o bem estar de sua mulher e a oportunidade de ter alguma alegria causando caos e morte, Vandal Savage se mostrou um miserável vira-casaca – alguém duvidava? – e enquanto vamos conversando aqui, Exoristos brinca solta nas imagens. Bem-vindos a resenha de Demon Knights #6.

SPOILERS   SPOILERS   SPOILERS  SPOILERS 

Capa de Demon Knights #6

O primeiro arco de histórias de Domon Knights está chegando à sua sexta edição. Nessa altura do campeonato é muito difícil de acreditar nisso, que já caminhamos com Etrigan e seus inusitados companheiros por metade de um ano e ao chegar no fim da edição, descobrir que a pequena vila de Little Spring continua sitiada, isso é um pouco decepcionante, mas para nos consolar, vale salientar que o roteiro de Paul Cornell ainda nos promete aqui e ali, pérolas enterradas na história que irão manter o interesse do leitor mais um pouco.

A melhor parte sem dúvida desse capítulo das aventuras dos Cavaleiros Demônios é que tivemos a oportunidade de mais foco na personagem Exoristos e na Mulher-Cavalo – quase um codinome de alguma travesti performática, não? . Afinal é muito fácil manter a ação da revista em personagens já pré existentes e conhecidos da maioria dos leitores como Etrigan, Madame Xanadu e Vandal Savage, muito menos trabalho é necessário porque sabemos quem eles são e elas não precisam ser construídos na nova narrativa desde a base. Como resultado, Exoristos e a Mulher-Cavalo – assim como o árabe Al Jabr “Ah, coitado!”, que mal aparece nessa edição – sofreram um pouco no início da revista, mas é muito bom ver que cada vez mais eles estão ganhando seu espaço aqui.

Nessa altura do campeonato, pistas sobre a personalidade e passado de cada um desses novos personagens foram muito bem plantadas para que agora ao ver-mos em ação, não exista dúvida alguma de suas motivações nessa “campanha de RPG”. É muito bom começar a entender as habilidade da Mulher-Cavalo e ver Exoristos chutar centenas de bundas em toda a sua glória Amazona, não tem preço. Agora que Cornell está incrementando a participação desses personagens, parece difícil que eles caiam para posições subalternas.

Telepatia equina??? Aquaman que se cuide, vai que ela consegue controlar cavalos-marinhos?

A parte dessa edição focada em Etrigan e Madame Xanadu foi preparada para ser concluída no próximo número. Uma série de pistas e ações desenvolvidas por cada um que não chegam a um clímax real aqui, possivelmente arquitetadas para que sejam as estrelas da edição #7, caso seja mesmo, legal, e o próximo número será um dinheiro muito bem investido, mas para esse mês, não passou de um “coito interrompido”.

Você perde o inimigo, Vandal, mas não perde a piada, garanhão!

Diógenes Neves e Robson Rocha dividiram o lápis nesse mês e essa parceria foi maravilhosa. A arte de Rocha é um pouco mais simples que a de Neves, mas ambos tem um traço muito parecido e lindo por sinal.

Se tem uma coisa que eu preciso parabenizar meu amigo Neves aqui é que ele além de um dos melhores desenhistas dos últimos tempos, ele é o cara certo para conseguir fazer de alguma forma mágica a malhada e grande Exoristos parecer forte e bruta, sem perder a sensualidade, não é uma tarefa fácil.

Mas de alguma forma ele consegue essa combinação ímpar que faz com que ao mesmo tempo em que a amazona impede que seus inimigos vejam novamente a luz do dia, ela pareça engraçada e linda. É um contraste fantástico.

Demon Knights é uma bela série como um todo. Mas eu tenho certeza que não sou o único fã desesperado para ver o grupo finalmente deixar para trás Little Spring. Por sorte, a conclusão desse arco parece estar batendo nossas portas. Apesar da narrativa em vários pontos ainda arrastada, como parte do todo esse número foi muito bom. E nunca é demais vermos personagens como Madame Xanadu, o Cavaleiro Andante, Mulher-Cavalo e Exoristos nos mostrando que mesmo nos tempos medievais, a mulher nunca foi o sexo frágil.

About these ads

Sobre O Santuário

EU SOU A FONTE!

Publicado em 16/02/2012, em Sem categoria e marcado como , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 8 Comentários.

  1. Muito interessante essa personagem Exoristos… Mulher Maravilha que se cuide mesmo! É bom ver um título bem sucedido que aproveita umas das criações de Jack Kirby para a DC, Etrigan… infelizmente o mesmo bom trabalho não foi feito em OMAC, o que foi um grande desperdício… (apesar dos esforços do Keith Giffen que é ótimo). Quero muito ler esse gibi em sua versão impressa, é o tipo de história que me interessa ter na coleção.

    Curtir

  2. Pra mim as melhores revisas do reboot são: Demon Knights, Voodoo e Mulher Maravilha.
    ______________________________________________________________________________ O Multiverso DC iniciou uma campanha para tornar a Justice League of Hanna-Barbera (imaginada por Daniel HDR em homenagem a Kevin Maguire e a Liga da Justiça Internacional) realidade!
    o Multiverso DC convida todos que forem a favor da ideia a tuitarem para a DC (@dccomics) com a hashtag: #jlhannabarbera, linkando a arte postada no Bleeding Cool (http://www.bleedingcool.com/2012/02/13/justice-league-of-hanna-barbera/).

    Curtir

  3. Uhuuuu… Essa série já está na minha lista TOP. rsss

    Curtir

  4. Allan Botino

    Confesso que estou louco para ver esse arco acabar e ver o que vai ser desse grupo, aí eu vou dizer se to dentro de verdade. Nossa, todos os títulos estão obrigatoriamente tendo que ser arrastados???

    Curtir

  5. Fred Bastos

    Eu tava adorando o Vandal Savage na equipe…mas se ele se tornar um antagonista recorrente eu vou curtir também.

    Curtir

  6. Amo essa revista! E acho sim a Exoristos uma das melhores personagens ali!

    Curtir

  7. Um amigo estava pensando em me chamar para uma campanha de RPG que antigamente jogavamos, eu achava o ritmo dele meio lento, mas em um dia de campanha ele desenvolve mais a aventura que o Paul Cornell nessa revista em 6 meses, to reclamando? To…porque sou um putinho…afinal o Diógenes Neves é maravilhoso na arte, os personagens são ricos e as possibilidades são fantásticas. Vamos ver mais um número e aí dou meu veredicto.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: