Dois novos alunos na escola Jean Grey e nunca mais pedras voando!

Por Venerável Victor  “em recuperação”  Vaughan

Resenha de Wolverine e os X-men #4  SPOILERS MUTAVEIS

Não sabe quem é Jason Aaron? Você não leu nada do título do  Wolverine nos últimos anos? Não está acompanhando a Incrível nova fase do Hulk agora? Então você não sabe o que perdeu ou está perdendo.

Bom, vamos falar sobre essa revista. Os acontecimentos aqui descritos são conseqüência direta da estonteante “Saga do Anjo Negro” da revista X-force (equipe onde Wolverine trabalha de noite e faz o servicinho sujo que precisa ser feito para que ameaças mutantes batam na sua porta de manhã), A escola Jean Grey recebe agora dois novos alunos. Genesis, o clone criança de Apocalypse e o Anjo, que é realmente o nosso Warren Worthington, só que sem nenhuma memória pregressa.

Que o Mortal Combat comece!!! Não! Grito errado… que a interação comece!

Genesis  está participando de uma aula em que o ciborgue do futuro, Deathlock é o convidado parar uma palestra, e ao fim da aula, começa a demonstrar suas habilidades em calcular matematicamente o possível futuro de qualquer um, com os alunos. Quando por fim ele olha para Genesis ele se recusa a revelar o que viu. Que o garoto eventualmente se tornará Apocalypse e matará todos na escola. Enquanto isso, o Anjo, que está no mesmo nível mental de uma criança, causa uma leve confusão na vizinhança e seu amigo, Homem de Gelo, o resgata e novamente o conduz para a escola, onde o matricula agora como aluno. Não bastando tudo isso, Kitty passa mal, sente tonturas, enjôos e começa a vomitar, correndo logo em seguida para o banheiro. Em segundos, na frente do espelho, ela descobre que está grávida, com uma barriga imensa. Cara, vamos usar camisinha, pô ou ficar intangível na hora do orgasmo. É, essa é a edição.

Agora vamos falar sobre minha felicidade – e de muitos devotos aqui – Chris Bachalo foi embora do título! “everybody dance now!” (Bachalo foi embora, vamos dançar, pular, gritar! Só não vale se aproveitar de ninguém bêbado debaixo do edredom!) Desculpa para os que curtem a arte dele (os poucos 0, 00001% e a mãe dele) Eu nunca estive tão feliz por algum desenhista deixar um título como agora. Nick Bradshaw é o cara! Comparado ao Bachalo em questão de caracterização ele é um arranha-céu e o Bachalo uma choupana. Os personagens agora parecem ser indivíduos diferentes e são facilmente reconhecíveis. Os cenários são agora limpos e nítidos e nada se mistura ou temos pedras voando onde não deveria ter nenhuma. Ângulos e linhas retas voltaram, e se você olhar com atenção, em muitos quadros você vai achar divertidas “piadas” plantadas ali. Aliás, Quentin Quire queimando seu livro de exercícios é demais, além do quadro de dardos com a foto de Ciclope presa ali.

A página com Apocalypse levitando e a escola em chamas é fenomenal, para mim, a troca de artista na revista fez com que definitivamente esse título chegue ao topo da cadeia alimentar das revistas mutantes. Fora que além da arte, temos Jason Aaron e o cara é fantástico. Ele realmente sabe dar o clima teen que a revista pede. Esse aspecto de escola que há tanto tempo tem feito falta, pois nos últimos anos era só a “lenga lenga” da equipe indo combater ameaças e voltando para Utopia. Mas o que realmente faz com que a revista seja a melhor, é a interação entre os personagens, lógico. Principalmente nesse clima de escola. Não vamos esquecer que os X-men originais de Jack Kirby eram apenas crianças e sua rotina estudantil e problemas comuns de todos os jovens, era o que fazia com que os fãs se identificassem no início de sua criação com o título.

Aaron está se saindo um grande mestre em contar suas histórias e sabe muito bem como lidar com os mutantes, dando individualidade a cada um. Quentin e Broo são de longe os mais interessantes do grupo e os mais perigosos também, mas o humor é perfeito com os dois. Aliás, o humor está o tempo todo ali presente e em nenhum momento atrapalha o desenvolvimento da história. Deathlock é um personagem que eu sempre gostei, Rick Remender o trouxe de volta para o universo Marvel após uns 25 anos que não era lembrado por nenhum outro artista e agora Aaron o incorpora – mesmo brevemente – aqui, obrigado cara! O enredo que ele veio trazer para a trama será algo muito bem trabalhado provavelmente.

A única coisa que senti falta foi a ausência de Dentes de Sabre – meu xará que tanto adoro – o grande antagonista de Logan, que foi a grande surpresa do final da edição anterior e nesse mês nem foi mencionado, mas vamos ter fé. Sua hora chegará. Afinal o jovem Clube do Inferno deve estar preparando seu próximo movimento contra Wolverine e seus alunos.

No início dessa nova proposta, de dividir metade do elenco de Fabulosos X-men em outro título mutante, enfraquecendo assim a nosso ver o interesse dos fãs, além de dar uma escola para Wolverine cuidar, personagem que nunca teve um direcionamento para isso, fez com que a maioria de nós pensasse que seria um erro editorial gravíssimo e uma sentença de morte prematura para a nova revista. Como uma fênix renascida das cinzas, os velhos e bons tempos da escola mais famosa de mutantes,  agora escola Jean Grey, voltaram com tudo.

Quer acompanhar a escola do Wolverine no Twitter?  @JeanGreySchool

Anúncios

9 comentários sobre “Dois novos alunos na escola Jean Grey e nunca mais pedras voando!

      1. Há!!!!! Pegadinha do Aaron!!! Faltou criatividade. Isso porque eu não lembrei da Tempestinha!!!! Lembrei agora!!!! Há!!! E essa não é pegadinha!!!!!

        Curtir

  1. Interessante esse trabalho. A presença dos mini-marvels, ops, Magneto bebê, ops, X-Babies (que saudade do Artie!!!), ops (tá f++$$%…hoje!!!) do arcanjo e do Genesis (já vi esse nome antes!!!) é benvinda!!! O traço mais limpo cai como uma luva para o tipo de roteiro, aliás, o Aaron para as novas gerações deve soar como bela canção aos ouvidos, mas prá mim…..um tanto clichê! Transformar adultos em adolescentes, colocar uma gravidez pelo mapa (quem viu Muppets vai entender essa!)-Carol Danvers vai querer direitos autorais!!!! Tá! Eu sou um chato de galocha, mas fazer o que??? Sou sincero e nada mais. Mas pelo que vejo, é leitura que diverte.

    Curtir

  2. É, eu acompanho Marvel mesmo quando tá ruím, e olha que em matéria dos mutantes, muitas e muitas vezes esteve ruím, sou fiel, lia até X-Force do Liefeld para vocês verem como era fiel ao universo mutante. Mas agora está dando gosto de ler sim, é o tipo do título que pretendo adquirir um encadernado dos primeiros números quando sair, vale a pena. Principalmente agora que o desenhista anterior saiu, masc não vamos jogar pedra no coitado gente, tem coisa muito pior que ele, uma delas eu mesmo citei aqui algumas linhas atrás. Agora uma coisa que realmente está faltando entre os alunos são mais personagens femininas proeminentes, por enquanto é só a Iddie e as outras mal aparecem, não é mesmo?

    Curtir

  3. E o Victor,outra vez me faz ler algo relacionado a Marvel. Olha,sobre a substituição do desenhista: concordo plenamente. Em posts posteriores, onde mais uma vez ,ele o macaco,me fez ler algo sobre a Marvel: $%$# para o desenho. Mas tenho que dizer: o novo traço é fenomenal.Gostei bastante.

    Curtir

    1. Felipinho… cara, tem um aluno da Escola Jean Grey que é a SUA cara, não a aparência, não é isso, é a personalidade. a forma de falar e de se relacionar com todos os outros. Não consigo de forma nenhuma ler sem remeter à você, toda vez que ela aparece.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s