O QUE ACONTECERIA SE PETER PARKER TIVESSE QUE DESTRUIR O HOMEM-ARANHA.

por Venerável Victor “Picado por um mico radioativo” Vaughan

Quadrinhos que me fizeram feliz:  parte 9

Muitos conhecem a saudosa série da Marvel “O que aconteceria se…” Estrelada pelo cabeçudo imortal criado por Jack Kirby, o Vigia! O Maior barato dessa série é a possibilidade de se explorar determinados enredos já abandonados e dar nova visão sobre as possibilidades que cada roteiro poderia ter tomado caso os acontecimentos de certas histórias não tivessem seguido por um determinado rumo. Hoje caros devotos, vamos presenciar o que aconteceria se outra pessoa, alguém sem as bases morais sólidas que Peter Parker recebeu de seus tios, tivesse adquirido as espetaculares habilidades do Homem-Aranha!

Volume 2, #76
escrito por: Terry Austin
desenhos de Stuart Immonen

O contexto até aqui: Eu uma feira de ciências, Peter Parker foi picado por uma aranha radioativa. Como resultado ele se tornou algo muito mais que humano. Muita coisa aconteceu e agora ele luta o bom combate como o espetacular Homem-Aranha. Mas o que teria acontecido se a aranha tivesse picado Flash Thompson?

Flash só foi à exibição científica para tirar satisfações com Peter por ter “olho” em sua garota. Depois de ter sido picado pela aranha, ele abandona o lugar e quase é atropelado por um carro. Ele para o carro e arrancar o motorista de dentro, mas Peter aparece o consegue impedir que ele vá, além disso. Parker então consegue fazer um acordo com Flash, para ajudá-lo com seus poderes fazendo apetrechos e afins. Mas secretamente, Flash tem planos só seus.

Enquanto faz o uniforme de Aranha para Flash, Peter é visto por um criminoso do outro lado da rua. O ladrão decide não roubar essa casa e parte para a casa ao lado. Ele acaba atirando em Mary Jane Watson e depois morre em confronto com a polícia. Com isso Peter começa a acreditar que ele precisa ajudar Flash com seus poderes e carreira heróica para que incidentes como esse nunca mais aconteçam.

Flash descobre o covil mais recente do Abutre e rouba do vilão o dinheiro de seu último roubo. Se declarando agora o “criminoso do futuro”. Seu próximo passo é capturar Parker e o prender com teia na lateral de um prédio, assim, uma vez que em horas a teia dissolva, tanto Peter quanto seu conhecimento dos segredos de Flash com ele morrerão. Peter usa sua própria ingenuidade e um tubo de solventes e consegue se libertar. No entanto, agora ele sabe que assim que o Aranha descobrir, seu destino estará selado.

O tio Ben repara que alguma coisa está muito errada com seu sobrinho e o chama para terem uma conversa. Peter por alto explica toda a zona que está metido e Ben lhe dá um sermão sobre lutar pelo que é certo. Peter fica pensando se deve mesmo denunciar Flash, sabendo que assim, colocaria a vida de seu tio Ben e tia May em perigo, mas May aparece e o diz o quanto eles ficarão orgulhosos de Peter fazer a coisa certa. E assim Parker decide que ele tem que deter o Aranha. Sem nenhum super poder nesse mundo, ele decide entrar nesse campo de batalha da maneira Batman de ser.

Algum tempo depois, o Aranha está no Clarim Diário, assaltando Jonah Jameson por alguma razão que não foi explicada. Jameson pensa como é triste que seu filho tivesse que morrer – sem o verdadeiro Homem-Aranha para salvá-lo nessa realidade – enquanto vermes como o aranha estão soltos por aí. De repente, o sentido de aranha de Flash começa a zunir. O que poderia ser uma ameaça para o Aranha?

Esse miserável inteligentíssimo pode.

Enquanto cada um deles individualmente tem suas vantagens – Peter não consegue acertar Flash em virtude de sua velocidade e sentido de aranha – Peter parece que tem mais domínio da situação, suas pernas de aranha são feitas de um metal que as teias não conseguem grudar. Seu uniforme libera uma mistura que dissolve as teias que atingem seu rosto. Quando então o aranha parte para um confronto direto, Peter afeta sua máscara com uma química que faz as lentes dos olhos opacas de ambos os lados. Após arrancar sua máscara e revelar publicamente sua identidade, Flash captura Betty Brant e a prende.

“eu vou quebrar o pescoço dessa vadia- tadinha, nem é – se você não recuar, Peter – Eu juro que vou!”

 Peter apenas sorri e aperta um botão em seu peito:

“típico. Apesar de todo o seu maravilhoso poder, você não passa de um encrenqueiro e arruaceiro, como sempre foi”

 Uma rajada sônica é emitida, fazendo com que o sentido de aranha de Flash enlouqueça, ele cai no chão se debatendo como um louco, até que desmaia de dor. Jameson e Betty agradecem a Peter por seu esforço. Sabendo que ele vai acabar nos noticiários e na primeira página do Clarim, Peter vai para casa para contar tudo para seus tios Bem e May o que aconteceu. Eles ficam orgulhosos do sobrinho e acreditam que ele fez a coisa certa.

Após isso, o Quarteto Fantástico aparece para levar Peter e sua família para o edifício Baxter. Eles mantém lá preso Flash Thompson e separaram o isótopo radioativo de seu sangue – afinal ele não tinha tido tempo suficiente para se misturar por completo com o organismo do rapaz – e Peter fantasia com a possibilidade de pedir para Reed que o aplique o isótopo, assim ele teria poderes que seriam ser usados para o bem, mas Reed apenas joga fora pela pia o composto. Peter não precisa de nenhum poder, ele tem em si o suficiente para ser um herói.

E então, mesmo sem sua espetacular força física, sentido de aranha e outras habilidades, o Homem-Aranha continua a combater o crime em um estilo mais Doutor Octopus.

A idéia do Flash Thompson se tornar o Homem-Aranha já foi feita antes assim como a idéia de um super herói tendo que lutar e neutralizar algum idiota que estaria usando de seus poderes. Mas uma coisa é certa, o grande barato dessa edição, para quem acompanha a carreira do teioso há anos é ver Peter Parker sentar o cacete no valentão Flash Thompson e mostrando que um herói é muito mais que seus poderes!

NOTA: dedico a matéria de hoje do Santuário ao desenhista Al Rio que faleceu há algumas semanas no Ceará, em sua cidade natal. Ele, um dos precursores brasileiros no mercado de quadrinhos das grandes editoras americanas, foi responsável por diversos momentos de puro encantamento  adolescente que tive, ao ver suas belas mulheres retratadas nas páginas de Títulos da Image e DC que acompanhava na década de 90. Al que continuava a produzir mais e mais de sua belíssima arte até hoje, agora irá produzir ao lado de mestres que também perdemos no último ano como Eduardo Barreto, Joe Simon e tantos outros. Salve Al!

Quadrinhos que me fizeram feliz:  parte 8 aqui

Anúncios

9 comentários sobre “O QUE ACONTECERIA SE PETER PARKER TIVESSE QUE DESTRUIR O HOMEM-ARANHA.

  1. Sinceridade, achei esse What if…? meio estranho. A forma como fizeram para o Flash (thompson, não o outro) perder os poderes bem como o Peter ter virado um herói tecnológico parece meio boba IMHO.

    —————-

    No mais, RIP Al. Descanse em paz.

    Curtir

  2. Com tanto carinho mostrado nessa última imagem da matéria, eu senti uma necessidade louca de comentar por pura espontaneidade. Eu não li essa ” Wahat if” de todas as outras que você publicou , mas achei muito legal a ideia.

    Curtir

  3. Tá bom, eu confesso! Adorei a matéria, curto muito as histórias do tipo ” What If” e falo bem do Santuário pelo menos uma vez por dia, eu confesso! Não me mata também não, moço….

    Curtir

  4. Boa! Nunca li essa história. Mas lembro de outro “O que aconteceria se…” envolvendo o Homem-Aranha. Duvido que um dia ganhe as páginas de O Santuário: e se tia May tivesse sido picada pela aranha em vez de Peter Parker? Foi muito ridícula a história, mas o objetivo era esse mesmo. Pura palhaçada.

    Curtir

  5. Adoro!!! Minha coluna preferida, afinal acompanho pouca coisa do que resenhada aqui. Muita gente que converso prefere a revista da DC, o Bravo e o audaz, mas é bobeira, as temáticas são totalmente diferentes, não da pra comparar.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s