8 de MARÇO “DIA INTERNACIONAL DA MULHER” : Rainha Branca “Ela é puro êxtase! Êxtase! Barbies ! Betty Boops, puro êxtase!”

Por Venerável Victor  “Príncipe macaco”  Vaughan

Antes de mais nada, vamos explicar para alguém que não acompanhe as revistas mutantes da Marvel e que talvez não tenha visto o último filme da franquia cinematográfica  “X-men- First Class” pela Fox…

Quem é a Rainha Branca?

Nascida em uma família rica e aristocrática de Boston, a poderosa telepata mutante Emma Grace Frost é a segunda filha entre três irmãs. Chegado o momento de escolher um sucessor para ser treinado, o Sr. Frost surpreendeu a todos ao escolher a pequena e rebelde Emma. A surpresa maior foi Emma recusar o convite, decidindo trilhar seu próprio caminho, a partir de apenas 400 dólares.
Quando o Clube do Inferno estava selecionando dançarinas, Emma se candidatou, vestida no que se tornaria seus traje de Rainha Branca. Os juízes acharam que a “horrenda” dança de Emma Frost era uma nova dança do novo milênio. Quando se encontrou com Sebastian Shaw, que mais tarde se tornaria seu mentor, Emma cada vez mais cresceu na escala do Clube, até se tornar a Rainha Branca da organização.
Após a dissolução do Clube do Inferno e à semelhança de Charles Xavier, Frost passou a dirigir uma academia para mutantes onde treinava jovens no uso das suas capacidades super-humanas; com o fim da escola Emma se mudou para Genosha e passou a lecionar lá. Um pouco depois um ataque dos robôs Sentinelas destruiu toda a Ilha de Genosha e ela foi uma das poucas sobreviventes, graças a sua mutação secundária – provavelmente desencadeada pelo incidente traumático – sendo capaz de transformar-se em um estado de diamante orgânico, tornando sua pele aparentemente indestrutível mas nesta forma, ela é privada de sentimentos e do uso de suas habilidades telepáticas. Emma Frost acabou por se aliar aos X-Men, que a encontraram sob os escombros. Hoje em dia ela é presidente das indústrias Frost – como ela arranja tempo ? –  e única herdeira da fortuna de seu pai.

Por que Emma Frost é muito melhor sem Scott  Summers.

Com a minissérie “Cisma” da Marvel, nós vimos o fim dos X-mem como nós os conhecemos – pelo menos até a próxima grande saga “Vingadores Vs X-men” -, mas no momento com Ciclope e Wolverine, um querendo “comer o fígado” do outro, cada um defendendo suas diferenças, afinal Scott vê os jovens mutantes como soldados em sua guerra contra todas as forças que planejam exterminar sua raça e Logan as vê como crianças que precisam crescer e aprender em um ambiente protegido onde os X-mem seniores que os protegerão – na verdade essa guerra vai além, por causa de uma ruiva que está morta nos quadrinhos por quase oito anos -, o que isso significará para a liderança e futuro dos mutantes?

Minissérie Cisma #4

O conflito entre as duas visões antagônicas que esses  personagens tem para seus irmãos mutantes é exatamente a razão que a grande família X se dividiu em dois. No entanto isso não foi nada que tenha realmente surpreendido nós leitores, gostemos ou não, a divergência ideológica desses dois colegas de equipe determina o futuro da maioria do universo X. Vimos quem ficou ao lado de Ciclope nos últimos meses e quem se aliou a nova proposta de Wolverine com o lançamento de duas novas revistas mutantes que nos apresentam as aventuras desses dois novos grupos. Mas muitos leitores ficaram desapontados – eu incluso – quando no início desse novo rumo, vimos Emma Frost ao lado, ou na verdade, ao fundo da imagem do novo grupo de Ciclope. Eu esperava que a Rainha Branca aproveitasse essa divergência ideológica para voltar à Costa Leste do país, junto com Logan e retornasse a ser ela mesma. Mas não foi isso que aconteceu.

Que coisa feia Namor, jogando "veneninho"?

Afinal a querida – por muitos – Emma Frost costumava ser venenosa, calculista, impenetrável – a não ser quando queria ser  – e agora nós a vemos como uma sombra do que já foi, vivendo sua existência como uma secretária de luxo de Scott Summers. Ela poderia fazer muito mais sem ele, ela poderia voltar a ser a “Rainha” novamente. Se ela realmente quiser, ela poderia estar com Namor por exemplo. Com toda seriedade, o que aconteceu com Emma Frost? Ela era praticamente a segunda em comando com Sebastian Shaw no Clube do Inferno e agora ela tem sorte se consegue ter uma linha de fala em uma edição de Fabulosos X-men. O que eu quero dizer é que ela era muito mais interessante quando ela era forte, independente, uma verdadeira fêmea alfa.

Surpreendentes X-men #35

Quando John Byrne e Chris Claremont criaram Emma frost, eles tiveram a preocupação de fazer com que ela fosse uma força sexy e cerebral a ser reconhecida.Era claro que Byrne e Claremont a queriam confidente e forte desde o início. A prova disso pode ser vista nas suas primeiras aparições em (X-men #130) onde ela consegue controlar e submeter toda a equipe, até mesmo colocando Wolverine numa gaiola – claro que nessa época o baixinho era menos over Power . Apesar dela ainda responder por seus atos a Sebastian Shaw, Shaw tratava Emma com respeito e lhe dava flexibilidade como uma líder do Clube do Inferno da sua forma. Ela era uma vilã, mas era também perigosa e interessante. Existia mais profundidade nas suas ações e nós podíamos ver o quanto a rainha Branca era manipuladora. Frost era um desafio tão impressionante que foi preciso a Força Fênix para derrotá-la.

X-men #130

Adversidades fazem com que personagens cresçam, e as situações controversas da sua juventude certamente explicam porque Emma desenvolveu essa egoísta e manipuladora natureza na sua maturidade. Em 2003, a Marvel lançou uma minissérie que revelava aos fãs, os eventos que transformaram a “Rainha Fria” no que ela é, apesar de viver em uma família rica ela teve uma juventude extremamente sofrida, esses eventos que ela passou fizeram com que Emma desenvolvesse essa casca emocional exterior fria e sua língua ferina , que a protegeram tanto quanto seus poderes.

Surpreendentes X-men #1

Com o tempo ela aprendeu como conseguir tudo o que desejava, mas ela também é – apesar de poucas vezes ser visto isso – generosa e gentil e seu desejo por ensinar se desenvolveu ainda muito cedo, Emma iria depois usar de toda sua ambição e recursos, para compartilhar seus conhecimentos como  diretora da sua própria escola para mutantes, aos moldes da de Xavier:  A Academia Massachusetts. Desde suas primeiras aparições, Frost demonstrou seu talento para a liderança e após a morte de Jean Grey ela não só se tornou um membro cada vez mais valioso, como uma personagem chave como a telepata mais poderosa da equipe e co-líder dos X-men  junto com Scott. Agindo como a “Diretora” da escola Xavier, quando o Professor X, partiu para um período “sabbático” de ausência total de suas responsabilidades com o grupo que formou. Mas essa posição não durou muito e sua influência como líder e “cabeça pensante” foi diminuindo e ficou secundária cada vez mais que Scott tomava a dianteira de tudo.

Fabulosos X-men #542

Parece visivelmente que  quanto mais seu relacionamento com Scott Summers progride, sua própria personalidade e características se rendem a esse relacionamento. E não é só isso, baseado na sequência inicial da briga entre Wolverine e Ciclope , novamente na minissérie “Cisma”, Scott ainda nutre sentimentos por Jean, sua esposa morta e enterrada, afinal foi por causa da menção dela por Logan que o fez perder o controle e atacar o baixinho envocado.

Francamente, eu não posso entender como uma mulher como Emma Frost pode querer permanecer ao lado de um cara que ainda está bastante ligado à sua ex-mulher morta, não só isso é ruim para o desenvolvimento da personagem, isso também é mais um motivo para os fãs detestarem suas habilidades e motivações serem desprestigiadas da forma que são. Para todos os efeitos, ela se regenerou e encontrou o amor nos braços de Scott Summers, por essa razão ela se permite ser a patrocinadora da ilha Utopia – muito da sua fortuna é usada para fazer aquela rocha flutuante horrorosa funcionar – e o braço direito de Ciclope. Mas quando foi a última vez que vimos Emma falar o que ela realmente quer? Onde foram parar seus objetivos e metas pessoais?

Eles estariam todos enterrados em virtude da necessidade iminente de luta pela sobrevivência que a raça mutante hoje em dia encara ? O amor por Ciclope teria se tornado uma obsessão para a Rainha Branca ao passo dela ter se anulado totalmente como pessoa? Estaria ela manipulando muitos dos acontecimentos  – inclusive Scott, – e se fazendo passar pela “moça regenerada” que se mostra hoje com algum intuito misterioso? O que vocês acham ? Votem e comentem!

Anúncios

28 comentários sobre “8 de MARÇO “DIA INTERNACIONAL DA MULHER” : Rainha Branca “Ela é puro êxtase! Êxtase! Barbies ! Betty Boops, puro êxtase!”

  1. Bem, em comparaçao a Jean, Emma naum tem nem chance. Mas, pensando no presente, Emma é um membro muito importante na equipe, naum so na principal, mas em diversas outras, sendo tambem bastante polemica. Para mim, Emma nao passava de um ninfeta que substituia Jean ate ela ressucitar (denovo). Mas acho que vou dar uma chance pra ela.
    Essa materia tambem mostra como Scott se tornou um crapula em relaçao às mulheres, chego a ficar com pena da Emma, afinal, eles estao juntos e Scott pensa em Jean. Eu ainda nao tenho uma imagem certa da Rainha branca, mas acho que ela se desenvolveu bastante de modo a deixar um grande vazio, se deixasse de existir…
    Acho que Frost mudou muito desde que era malefica e maquiavelica. Se ainda existe um lado mal nela, eu nao sei, mas analisando os fatos, acho que emma é o que podemos chamar de exemplo de mulher, apoiando muitas vezes Scott, mesmo estando errado, ou a deixando em segundo plano.
    Valeu!

    Curtir

  2. Jean Grey é a gata dos sonhos, e Emma Frost a fantasia molhada. Jean é o que há, mas que graça teria se no mundo houvessem apenas “Jeans”… e nenhuma Emma? “Seria o caso de suicídio coletivo”, diria a Rainha Branca…

    Curtir

  3. Gosto mais da Jean Grey, uma personagem mais madura, isso mesmo a Jean era mais madura que Emma Frost, pois não manipulava as pessoas, e a Emma parece ser bem mais velha que a Jean. Como já falado nos comentários abaixos, queria ver a Jean voltar a vida, mas para se livrar dessa bagunça nos X-Men, ela lutaria ao lado dos Vingadores. Enquanto a Emma? Ela deveria virar a próxima grande vilã dos mutantes, se ver pelo pescoço com as situações ao seu redor, e voltar a ser a mulher má que já foi um dia, pois um dia ela havia decidido mudar e agora iria perceber que estava errado ali não era o lugar dela. Já o Ciclope seria sacrificado pelos outros X-men, inclusive a turma do Wolverine, por deixar Emma fugir em uma batalha, logo Ciclope se ver perdido e é amparado por Emma, aí corta. Ciclope surge como vilão ao lado de Emma. Nunca estaria muito claro se Emma estaria controlando ou não Ciclope . Ufa! isso ficou manero, mas não vai acontecer, não mesmo.

    Curtir

  4. O que eu posso dizer é que mulher quando se apaixona perde todos os seus “PODERES” e torna-se uma fiel escudeira para tornar o homem, alvo de seu afeto, o MELHOR!
    Mas dê uma de besta e magoe essa mulher apaixonada. Aí verá que será a pior INIMIGA que você já imaginou em sua sã Consciência.
    E Emma Frost nada mais é que a nossa Paris Hilton das HQs… hehe

    Curtir

  5. HAHAHA a imagem dela ao melhor estilo Sharon Stone é perfeita! Uma mmulher independente, dúbia, maravilhosa, dona de si e ás vezes quase dona do mundo… Se fosse um pouco mais ingênua poderia ter sido criação do mestre Manara, mas não… ela é tudo isso e MÁ !!!!!! Não tem como não votar na Emma Frost. Se eu tivesse que escolher uma única mulher pro resto da vida seria ela ou a Mística, porque ambas podem ser TODAS as mulheres….

    Curtir

  6. Sou honesto: Nunca escondi e isso é claro pelo meu nick: sou fã da Jean Grey. Ela é minha personagem favorita das HQs. A Mulher Maravilha está quase chegando lá, mas a TOP ainda é a Jean.

    No entanto, eu não sou muito fã do relacionamento dela com o Ciclope. Nem tampouco com o Wolverine. Não sei a quantas anda a Emma, mas pelo que deu a entender, ela virou uma extensão do desenvolvimento do Scott. Algo semelhante aconteceu com a Jean e por isso eu prefiro que, caso ela volte, que seja para se tornar “dona de si mesma”.

    Voltando a Emma, eu gostei do casal dela com o Ciclope e pessoalmente prefiro eles juntos. Mas, se for como vocês estão dizendo, digo que é triste ver uma personagem tão interessante virar simplesmente “a namorada”. Isso para mim, é menos problema do casal em si e sim dos roteiristas que não estão fazendo um trabalho legal com a personagem.

    Quanto ao Namor, sem muitos comentários. Não me importa que esse lance dele ser mutante faça sentido e tenha precedente, não gosto de ver ele nos X-men. Muito me incomodou uma parte de Fabulosos que eu vi na resenha de vocês, onde se mostra ele como um narcisista que fala na terceira pessoa. Tá certo que ele era orgulhoso, mas antes eu sentia que o jeito dele era mais justificado.

    No resto, parabéns pela análise!

    Curtir

    1. Sabe Spider, você tem razão em muita coisa que colocou, mas além de vacilo dos roteiristas, falta mesmo paixão do Ciclope por ela. Talvez seja mesmo como o Elvis Moura falou ali em baixo e ela tenho fetiche nele como “boy Toy”, porque tá faltando interesse dele. Aliás o Ciclope é outro problema, amadureceu como personagem sim e ficou mais interessante , mas ao custo da humanidade e acho que isso só vai ser trazido de volta com a “ruiva”, nem mesmo com o fim desse stress da “Extinção dos Mutantes” acho que ele fica menos robô, do que na hora que ver a ex-mulher de novo… e tadinha da Emma? Talvez, mas aí meu caro, o “Pelé do mar”, que fala na terceira pessoa tá sempre a postos pra dar um ombro amigo para loiras desprezadas por maridos super-heróis ocupados! Não é? E ela volta a ser RAINHA…

      Curtir

      1. Vale lembrar que o Ciclope meio que “sacaneava” as mulheres. Quando a Jean era dada como “morta”, ele corria atrás de outras.

        Exemplos:

        1 – Quando a Fênix disfarçada de Jean e o Fera se perderam em uma luta dos X-men com o Magneto (Era CC &BYRNE!), o Scott pensou que a Jean morreu e “ficou” com a Coleen Wing. Sendo que a Jean estava vivíssima;

        2 – Quando a Fênix!Jean morreu no final da Saga da Fênix Negra, o Scott começou a ficar com a tal da Lee Forester. Mais tarde casou com a Maddelyne Prior;

        3 – Quando a Jean voltou, o Ciclope largou a Maddie (com quem estava CASADO e com FILHO) para voltar pra Jean;

        4 – Quando namorava a Jean, teve affair com a Psylocke/Kwannon;

        5 – Traição psíquica com a Emma seguida da “morte” da Jean e uns pegas em frente ao caixão da EX.

        Em outras palavras, ele até que era humano, mas meio sacana rsrsrsrs

        Mas concordo que uma eventual volta da Jean vai balançar o universo X de alguma forma. Eu pessoalmente, prefiro que ela volte e entre para os Vingadores ou os Defensores (a equipe de overpowers da Marvel).

        Curtir

    1. Concordo Jean é muito melhor! Sabe eu queria que em X-men Evolution a Vampira e o Scott tivesse um romance, claro apoio o casal Jean e Sott perfeitos, mas ele poderia dar uma chance p/ Vampira em X-nem Evolution

      Curtir

  7. Olha só, vira e mexe o Scott Lobdel depois do DC relaunch há seis meses, voltou para a pauta dos fãs após anos e anos sem a gente lembrar dele, ele agora tem 3 revistas na DC, mas foi na ótima Geração X na Marvel que ele trouxe a tona mensalmente a Emma Frost como anti-heroína ou que diabos ela é realmente.Era muito bom o trabalho dele com a Rainha Branca professora da Academia Massachusets e depois…depois ela caiu nas boas graças de ninguém menos que Grant Morrison , nos Novos X-men e aí meu povo, ” foi só correr pro abraço” . Ela agora tá aí como personagem principal e umas das grandes X-womens… mas ela não precisa do Ciclope para brilhar e acho mesmo que ele apaga ela, não por ser melhor, mas por fazer ela de “empregadinha psíquica” dele, ele fazia isso com a Jean? Também fazia , mas a Jean já é sem gracinha, boazinha demais…eu quero é a Emma Frost “vagabal” chutando bundas! Emma FOREVER !!!

    Curtir

  8. Eu AMO a Jean Grey! sniff! mas amo também a Emma! Porém eu prefiro degustar o humor ácido da Emma quando ela é B.I.T.C.H all the time! Acho que o love dela com o Scott é mais fetish, uma coisa boy toy (afinal o Byrne não criaria uma loira toda trabalhada na lingerie white e salto agulha pra ser uma girlie virginal né? o tio Byrne queria ver uma vaca dominatrix sem coração e com muito desprezo na calcinha) O Scott não está vivendo aquela paixão avassaladora que ele tinha com a Jean. E nessas horas eu posso até imaginar a Jean (esteja onde estiver ruiva) dizendo “She’s NOT me”

    Curtir

  9. A relação da Emma com Scott é basicamente troca de interesses. Ela é loira, gata, rica (só isso é suficiente no mundo real) e uma mutante muito poderosa! Além de dar (carinho e atenção) pro Ciclope. Já ele é o líder dos X-Men, não tem grana mas tem status e é objeto de desejo dela desde X-Men 130. Tanto que a sova que ela levou da Jean foi digna de novela das oito! Não esqueço a capa daquela edição!!! Não é amor que une os dois. Talvez seja carência ou um sexo bom. Tanto que ela já deu uns pulos fora do relacionamento. Coisa que eu abomino! Fidelidade acima de tudo! Quando o Ciclope foi dado como morto a Jean manteve o luto até ele voltar! Das mais bunitinha!!! Orgulho dessa menina!!!

    Curtir

    1. Meio atrasado mas só vi esse post agora…

      Não acho que seja troca de interesses a relação dos dois. Na era Morrison, foi deixado claro que o motivo do Ciclope estar interessado na Emma era que ela não tinha grandes expectativas com ele. Ele tinha acabado de se separar do corpo do Apocalipse (ui) e sentia que estava diferente, mas todos da equipe ainda o viam como o “bom moço”. A Emma o via apenas como Scott Summers, aceitando ele como ele era e não como “deveria” ser. No caso da Emma, foi paixonite mesmo, mas com certeza não foi por interesse no status dele, já que, como eu disse, o personagem estava passando por um forte abalo emocional e não tinha a menor expectativa de liderar a raça mutante. E não se esqueça que a Emma já havia abdicado de um posto com muito mais status do que o que ela alcançou, o de Rainha Branca do clube do inferno (no qual ela tinha influência política e econômica a nível mundial, e não só limitada aos mutantes).

      Aliás, falando em status, o mais triste da situação atual dela é que ela é tão responsável pela direção que a equipe tomou quanto o Ciclope, mas a forma como os roteiristas vem tratando o casal com certeza não demonstra isso. Ela e o Caolho fundaram Utopia juntos, o checkmate que eles deram no Osborn só foi possível com a participação dos dois. E, mesmo bancando a ilha sozinha, a influência dela parece menor agora.

      Quanto à fidelidade no relacionamento, concordo que é a coisa mais importante, mas é justamente por isso que prefiro Emma/Scott a Jean/Scott… Não houve nenhum “pulo fora do relacionamento”. Homem de Ferro, Namor e Sebastian Shaw foram todos relacionamentos mostrados através de flashbacks, muito antes dela se relacionar com o Scott. E ela vem resistindo muito melhor às investidas do Namor do que a Jean (não) resistiu às do Wolverine. É claro que isso pode mudar perto do final do ano, já que tem um teaser mostrando ela e o Namor se beijando, mas se for o caso, creio que até lá o casal já estará terminado (na última edição de Fabulosos, a número 9, quando o Namor veio perguntar a ela como estava seu recém-curado braço, a Emma respondeu com insatisfação que era bom ver que alguém ainda se importava – enquanto olhava pro Ciclope).

      Curtir

      1. Deixo aqui minha pergunta: não acompanho X-men, apenas coisas esporádicas, mas vejo em diversos sites pessoas fazendo referência a Emma ter traído Ciclope com o Namor. Afinal, ela traiu ou não? Em qual revista isso foi mostrado? Valeu!

        Curtir

  10. Eu gosto da Emma, mas sou muito mais Jean.

    Queria ter o poder das duas misturados… Teria pena do mundo lá fora…

    Ótimo post =D

    Curtir

  11. Como um camarada justo e racional, falei aqui de todo o valor da personagem, mas não vou negar, estou torcendo pelo retorno inevitável da Jean Grey, a minha “Donna Troy” (quem???). Mas é inegável o barato que a Rainha Branca é, acho que ela ajudou muito no desenvolvimento e confiança do Ciclope, mas o dela ficou estacionado. Se ela tem um caráter melhor agora? Duvido! Quem acompanha as revistas, vê que não, que ela continua aqui e ali aprontando nas sobras seus agora pequenos absurdos… então que ela siga o caminho dela.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s