O que significa ser um herói?

por Venerável Victor  “We can be Heroes” Vaughan

Publicada originalmente no O Baile dos Enxutos!

Fui procurar por aí na net uma definição para herói, eis a que encontrei:

Um herói/heroína, na mitologia e folclore Grego, eram originalmente semideuses e seu culto era um dos mais distintos na sua antiga religião. Após isso, heróis e heroínas, se referiam às personagens que, em face do perigo e da adversidade, ou a partir de uma posição de fraqueza, demonstravam coragem e a força de vontade para o sacrifício próprio. Essa é a definição geral de heroísmo.

Então a questão agora que vamos levantar é: como é que essa definição se encaixa no arquétipo de herói, nas famosas “jornadas” que eles em todos os meses nos quadrinhos, atravessam?

Muitos livros de ficção vão dizer-lhes que o herói é o personagem principal de uma história, o indivíduo que possui mais a perder e que precisa passar pelas maiores transformações entre todos. Vamos fazer um exercício aqui e imaginar alguns tipos recorrentes, nessa categoria de personagens.

Muitas histórias se focam no personagem principal da trama e muitas vezes ela é contada do seu ponto de vista. Quando é desenvolvida na terceira pessoa esse mesmo personagem se beneficia na maioria das vezes da maioria dos diálogos e ações da trama. Alguns autores optam por ter diversos personagens principais, acontece que nisso há o perigo do desgaste da trama, quando partes importantes da narrativa são desvalorizadas. Por isso, o melhor para muitos é se focar mesmo em um único personagem e ir adicionando coadjuvantes quando necessário.

Quando se opta pelo grande perdedor como herói da trama, um bom autor pode fazer proezas. Mesmo quando a história começa com esse personagem em busca de um gostoso donut, muitos obstáculos irão se erguer para tentar impedir que ele consiga esse simples docinho. Em todas as histórias, esse mesmo personagem pode passar pelo risco de morte, em outras palavras, ele precisará morrer para chegar ao outro lado. Sim, essa morte pode ser metafórica e normalmente envolve esse personagem enfrentando seu maior medo. Ele precisa usar tudo o que aprendeu em sua jornada para ter sucesso.

As pessoas não mudam, para muitos isso é um fato. O que faz hoje com que você tenha raiva de algo, provavelmente fará com que você fique com raiva amanhã. O que as pessoas fazem realmente é aprender e o maior e mais profundo aprendizado que uma pessoa pode ter é sobre si mesmo. Quando a hora chega para cada um de nós, nós todos somos a soma do que aprendemos. A verdade desconhecida de muitos é a de que não podemos mudar o mundo (o destemido líder, Ciclope, discorda e eu o respeito por isso), nós só podemos mudar a nós mesmos. Mas se realmente não podemos mudar o que nós somos, o que acontece? Acho que a resposta para isso é deixarmos uma parte de nós morrer para que outra cresça. Isso se chama reavaliar nossas estruturas internas, significa achar o que realmente é importante. O herói tem a habilidade natural de ser um herói, ele apenas precisa saber o que fazer e isso é motivação suficiente.

Os heróis lutam contra uma força oposta, Bem VS Mal, mas na maioria das vezes as histórias ficam tão centradas apenas em heróis lutando contra vilões. Isso quando não são heróis contra heróis, que perdemos com facilidade o real significado do que essa palavra significa. Sim, é totalmente sabido agora que ele vence a morte e aprende algo útil com tudo isso, blah, blah, blah, tudo, no entanto, ainda não representa o que é ser um verdadeiro herói. Então vamos colocar mais algumas características facilmente encontradas nas nossas amadas histórias.

Um verdadeiro herói deve, mesmo sobre o risco de morte e de tudo que para ele é sagrado, derrotar o vilão ou qualquer força oposta que coloque a vida de quem quer que seja em perigo.

Então, derrotar seus próprios demônios não é bom o suficiente. Isso se chama terapia, eu sei. Muito mais é esperado de nosso campeão, no fim o nosso herói consegue o seu donut. Essa é a recompensa que ele recebe por tudo o que ele passou, mas talvez ele entrega esse docinho para outra pessoa, a vida é assim. Ele passou pelo inferno para conseguir o maldito doce, mas aprendeu que nada disso pelo que passou se tratava de rosquinhas.

 

 

Anúncios

62 comentários sobre “O que significa ser um herói?

  1. meus heróis preferidos sempre foram os anti- heróis e apesar de gostar de hqs independentes e adultas sempre precisamos de heróis na nossa vida como uma válvula de escape. viagens espaciais, seres estranhos,vilões querendo dominar o mundo e entre um explosão e outra ter que ir deixar o filho na escola,salvar o gato da vizinha e tomar café meio que nas ultimas isso sim é ser herói……. belo texto VVV!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Curtir

  2. Mas um grande texto. Eu tambem concordo que este lance de heroi vai alem de bem e mal, certo ou errado. Vc não precisa ser aquele cara bonzinho para que possa ter um ato heroico. Gosto muito do personagem exterminador, principalmente quando ele alem de bater nos titans tem que ajudar de alguma forma.

    Curtir

  3. “A verdade desconhecida de muitos é a de que não podemos mudar o mundo, nós só podemos mudar a nós mesmos.”

    O texto parece que compilou vários argumentos meus em vários foruns de HQs que já participei, Na minha opinião o herói é antes de qualquer coisa um sobrevivente, sobrevive aos perigos, sobrevive as batalhas, sobrevive a si mesmo… enfim, sobrevive pra contar a sua história!

    Curtir

  4. Somos todos heróis ou vilões em nossos dia-a-dia,dependendo das atitudes que tomamos ou açõe em nosso cotídiano.Decisões e/ou ações que podem ou ñ afetar mais a frente ou ñ nossas vidas e a vida de outros ao nosso redor.Ser herói não significa apenas só “ser herói” mas vai além de qualquer expectativa pois éa jornada de um individuo “cru’ posto a prova em sua vida e que terá de tomar inumeras decisões perante o seu carater e sua formação pessoal perante a sociedade e seus meios de so brevivencia quanto aos demais individuos.
    Somos “supers” diante de bem maiores qnto a nos dedicar aos outros sem mesmo nos beneficiar,nos dar em prol de algo que fará bem a quem precisa sem mesmo qualquer ganho pessoal.Sem qualquer beneficio mesquinho.O valor de tudo éo aspecto em que cada um fermenta a idéia de herói,heroísmo ou heroíco…cada postagem a borda uma fração do que existe no mundo,ficticio ou não buscamos lições que nos faz ponderar a que viemos neste mundo ea herança que esse mundo vai deixar aos proximos que herdarão a terra.Para béns,Venerável Victor Vaughan!!!!

    Curtir

  5. O que significa herói?
    Bem depende do contexto… se for na real eu sou um herói! Sobrevivi ao primeiro casamento, fiz/estou a fazer, crescer 3 filhos numa altura de crise mundial. Podem fazer vénias… eu não me importo!
    😛
    Se for ficção… é mais fácil, herói é o tipo que salva o dia no final, não interessando se morre ou fica vivo. É muito mais fácil e dura poucas páginas…
    😉

    Curtir

  6. Ser um herói quem nunca sonhou com isso, principalmente ser um super herói? No mundo dos quadrinhos,cinema, livros e outros meios, basta apenas coragem e um bom coração para iniciar a grande jornada do herói! Ser herói requer sacrificios em prol quer de uma pessoa ou de muitas sem pensar em recompensas, ter apenas a satisfação de ter feito algo de bom para com o próximo. No mundo real temos muito heróis que as vezes passam a maior parte da vida anônimos cuidando de nossa segurança, outros salvando vidas. Mas os nossos primeiros e maiores heróis são nossos pais que cuidaram e nos protegeram e nos indicaram o caminho para que possamos um dia trilharmos o caminho para que venhamos a ser heróis também.

    Curtir

  7. “Meus heróis morreram de overdose”. Uma vez pensei que ser herói era levantar sempre que caía, mas vilões tbm o fazem. Hj acho que ser herói é fazer o certo mesmo que vc acabe sozinho.

    Curtir

  8. Herói é sempre o primeiro que foge, n,ao me lembro onde escutei essa pérola, mas a definição da palavra é muito dificil, desde os mais antigos monstros da mitologia grega, até os atuais dias de hoje sempre encontraremos alguém capaz de combater o mal, quando falamos em mal pensamos desde o Lex, até aquele que não deve ser pronunciado o nome, o mal anda a nossa volta sempre esperando a oportunidade certa e nos dar um empurrão para a atitude errada, fazer o mal é facil, dificil é nos manter na linha, e é isso que nos faz diferentes, somos heróis do dia-a-dia…

    Curtir

  9. Não só a jornada se torna importante para o caminho do herói.
    Muitas vezes (mais do que o esperado, até), é preciso abdicar, no final, desse donut, pelo bem maior.
    E a escolha por esse sacrifício mostra-se o teste final. Depois de tudo, vale a pena abrir mão?

    Aos nossos heróis, aos nossos modelos… Nossa gratidão por nos ensinar que podemos resolver tudo com o AZUL, quando a vontade de espalhar o VERMELHO é mais forte!!!

    Curtir

  10. Se pensarmos razoavelmente, um herói nem sempre terá que ter uma capa. Ou seja, um herói não terá que ser, forçosamente, um super-herói. Pode ser um futebolista (que, ao visitar uma criança enferma hospitalizada vê nos olhos desta um enorme sopro e esperança de reavivamento). Pode ser um pai (que através do exemplo transmitirá honrosos valores que o acompanharão por toda a vida). Pode ser um escritor (que com o poder da sua escrita influenciará o pensar e inspirará a ação do indivíduo comum à mudança). Pode ser um médico: pode ser um bombeiro…Afinal não são tão poucos os heróis à nossa volta. Ou heroínas, como uma mãe que se supera a si mesmo a às adversidades para salvaguardar o bem estar dos seus filhos. E DEPOIS TEMOS O HOMEM-ARANHA!! 😀

    Curtir

  11. Ser herói é ter tempo e ideias para escrever para cinco sites diferentes! Belo texto do VVV, o Jamie Madrox da blogosfera!

    Curtir

  12. Dependendo da rosquinha V3, eu movia mundo e fundos para comê-la!!!!
    Bwhahahahahahhahahah “Ah, como estou safadinho!”

    Curtir

  13. O que significa ser um herói? Viver no Brasil com esse salário de fome e andar pela rua dando risada e planejando férias, churrascos e festas! Que povo maravilhoso (as vezes até beirando o idiota) e heróico o nosso. Parabéns pelo texto, Venerável!

    Curtir

  14. EDITORIAL SANTUÁRIO:

    Segunda: Resenha de Wolverine e os X-men

    Terça: Resenha de Disque H para herói

    Quarta: Arrow

    Quinta: A Jornada de um herói

    Sexta: Batman

    Sábado: Novos Deuses de Jack Kirby

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s