FABULOSOS VINGADORES #4 – “Thor apanha feito menina & uma garra de adamantium não dói”

PrimeiraImpressao_02

por Venerável Victor “um tratador sem preconceitos” Vaughan

Img-de-Capa.FV4Fabulosos Vingadores pode muito bem ser uma das melhores revistas lançadas pela Marvel nesses tempos. Ela combina um dos mais fortes roteiristas que a editora tem (Rick Remender), que vem de um dos mais bem sucedidos títulos dos últimos tempos (Fabulosa X-Force), com a arte dessa dupla maravilhosa (John Cassaday e Laura Martin) oriunda de outro grande sucesso do passado (Surpreendentes X-men), além de trabalhar com alguns dos maiores personagens que a empresa tem.

Acima de tudo, a proposta desse arco é fantástica: o que aconteceria se o Caveira Vermelha tivesse os poderes do Professor Xavier? Mas, então, o que aconteceu para que isso não se tornasse fato?

Rick Remender, John Cassaday & Laura Martin
Rick Remender, John Cassaday & Laura Martin

Fabulosos Vingadores (Uncanny Avengers) #04Nesse número temos a conclusão desse primeiro arco da revista. Thor, sob o controle do Caveira Vermelha, luta contra a Feiticeira Escarlate e o Destrutor. O Capitão América, enquanto isso, enfrenta o vilão nazista diretamente – apenas para se ver frente a frente com todas as suas dúvidas sobre a atual situação social/política dos Estados Unidos. Wolverine e a Vampira ficam totalmente de fora até quase o final da edição e no epílogo temos um salto no tempo para três meses no futuro, onde um terrível vilão dos anos 90 é o grande senhor do planeta.

Então, qual é o problema? A narração de toda a edição é ruim e pouco adiciona valor ao enredo. A batalha entre a Feiticeira Escarlate e Thor é tão pomposa que parece ter sido escrita por Shakespeare, ao passo que isso cai bem para o deus do Trovão, as falas de Wanda ficaram exageradas e, por fim, tem o ataque do Caveira ao Capitão… O discurso político do vilão desagradou centenas de leitores americanos (a verdade dói), para nós, terceiro mundistas, o texto é coerente e sabemos que exprime bastante a opinião do autor, mas pelo amor de Odin! O Caveira Vermelha teve a mão decepada pelo Wolverine e continua ali como se tivesse apenas furado o dedinho?!

Uncanny Avengers 004-7

Por outro lado, temos a arte de Cassaday, desenhista notório por seus atrasos, mas fica difícil reclamar quando se olha sua arte – no entanto, aqui, nessa revista ele está muito preguiçoso certas horas. Mas a luta de Wanda com Thor é especialmente legal do ponto de vista visual e as cores da senhora Martin foram feitas para combinar com o traço do artista.

UncannyAvengers4_03

Wolverine tem uma cena no fim da edição com Thor que é exatamente o que se espera do trabalho de Remender, um Logan com um fator de cura que apesar de fabuloso, tem seus limites. Vampira e Wanda têm um momento desabafo que é totalmente coerente com seus passados e personalidades. E o final com o vilão trash dos anos noventa comprova que o roteirista sabe muito bem aonde quer chegar.

Uncannt Avenger 4_06

Essa edição, assim como toda a série até agora, é exatamente isso: para cada grande momento, você tem dois de mediocridade. Algumas das escolhas estilísticas, como, por exemplo, a narração, são questionáveis. Dito isso, Remender conquistou a confiança dos leitores no passado recente e possivelmente o próximo arco vai elevar o título as alturas.

Uncanny Avengers 004-15

S_Final

543673_479095175476920_104729198_n

Anúncios

21 comentários sobre “FABULOSOS VINGADORES #4 – “Thor apanha feito menina & uma garra de adamantium não dói”

  1. Olha, a história é ótima, escolheram os personagens adequados, e tals, porém, o desenho não é muito legal não, e não seguem o tipo físico dos personagens. O que ficou mais visível, foram os erros com a anatomia da Anna Marie, a Vampira ta sem as curvas q ela sempre teve, e tambem, ficou muito máscula, e não me digam que é o uniforme verde e branco que deixa ela assim, pq eu ja vi ela com esse uniforme por outros desenhistas, nas próprias capas alternativas de Fabulosos Vingadores, e ela ta bem gata. Os demais tem algo estranho q não consegui identificar. Se esse cara não se comprometer mais… Sei não hein.

    Curtir

  2. Reclamaram da arte do Bachalo, imagino o que falarão dessa….Pelo menos ela é expressionista o suficiente para encaixar nessa história. Mas isso não dá o direito do artista ignorar regras de anatomia de forma tão terrível certas horas.

    Curtir

  3. Não vou negar que a história está forte…e não tem meio-termo:ou se ama ou se odeia!Ainda não tenho uma opinião sobre isso…seja como for,gosto das histórias do Remender e dos desenhos do cassaday!òtimo texto,venerable man!

    Curtir

  4. Esse título é uma coisa completamente dispensável, o roteiro é ruim e se o cara não melhorar logo a revista acaba sendo cancelada.

    Ps: Seu texto ficou muito bom meu amigo Venerável.

    Curtir

  5. #indignada………… A put@ maluca da Wanda pira…Mata uma porção de gente (diga-se de passagem, seus amigos mais íntimos), some, não paga por seus crimes, volta, todo mundo renasce!!! E agora ganha um abraço do Capitão. E com o Ciclope é aquela confusão??? Ah, meu querido Bendis, você também vai consertar essa cagada com o Ciclope, né??? Porque você consertou com ela…

    Curtir

    1. Bianca
      Compartilho com sua indignação. Mas (apesar de os Vingadores ser minha segunda equipe preferida) a explicação está exatamente no fato da Wanda SER uma vingadora e o Ciclope não. Em A Cruzada das Crianças o capitas diz que o “caso Wanda” é assunto DOS Vingadores, afinal, “uma vez vingador…
      (corporativismo mesmo).
      Para consertar o caso do Ciclope só ele indo para a Casa Grande. E eu espero que isso NUNCA aconteça.
      Go to hell, como diria o Cike vidaloka.

      Curtir

  6. O que eu vou falar criará polêmica, mas é só minha opinião. Nesse arco, Rick Remender nas entrelinhas quis mostrar o quanto o orgulhoso (já foi muito mais no passado, lógico) deus do trovão é preconceituoso, pois a influência mental do Caveira Vermelha precisaria ter pelo menos uma semente desse sentimento ali já plantada, para poder fazer germinar…

    Tanto que o loirão ficou ali bastante sem graça e nã foi por ter atacado seus amigos mutantes ou quase ter matado o Wolverine.

    Curtir

    1. Caro Fred…
      Por falar em entrelinhas e/ou sentimentos submersos…
      Já reparou que quase todos os nazistas da Marvel são deformados? E o herói construído para socar as fuças de Hitler é, ele próprio, um estereótipo do ideal nazi?
      Barão Zemo e seu filho (que, aliás, por um tempo ficou “belo/perfeito” mas teve o rosto desfigurado novamente), Caveira Vermelha e sua filha Pecado, Arnim Zola e mesmo o barão barão Von Strucker.
      Tema para muita discussão nas áreas do discurso, da fenomenologia, da psicologia, etc….

      Curtir

  7. Bem, nessa revista acho que nem o Cassaday está bem! Gostei da cena de luta entre a Wanda e o Thor, mas o resto das páginas está bastantes furos abaixo do que ele é capaz… Não podem pôr o Cassaday a desenhar tanta página em tão pouco tempo, ele não é rápido por natureza e quando tenta ser rápido o desenho sai fraco…
    :\

    Curtir

  8. Não teve Xavier no final???????? #chatiado & #magúado. Como os próprios devotos já disseram, equipe boa hoje só trabalha com o nome. Não inova e nem tem mais nada a acrescentar. Estã lá na sua zona de conforto e enganado é aquele que se dá ao luxo de confabular positivamente com isso. A resenha foi ótima, mas a Marvel demora a melhorar.

    Curtir

    1. hahahahahahahaha, Seu curriculum não é tão bom qto vc imaginava Sr. Hank !!!! Vc ja decaptou alguém no Canadá ??? Já derrotou os Vingadores sozinho, usando os poderes deles mesmos ??? É… Seu curriculum ta ruim mesmo hahahaha

      Curtir

  9. Bem, já teci muitos comentários sobre este primeiro arco na resenha anterior. Talvez devido às minhas expectativas diante da equipe de produção (roteiro, desenho e cores), talvez porque X-Men e Vingadores sejam minhas duas equipes Marvel preferidas…. mas o resultado foi deveras decepcionante. Um palanque político dos mais mequetrefes e só…
    E apenas piora na quinta edição (já adianto), devido ao polêmico discurso do mutant… ops… humano Alex Summers (não o chamem com a palavra M… agora ele é humano como todo mundo. Tudo azul, todo mundo nu… enfim…)

    Concordo em relação à arte. Decepcionante também, sabendo do potencial desta dupla. Putz, folhear Astonishing X-Men e ver a arte do Cassaday é tão agradável quanto ler o roteiro fabuloso do Whedon. Como você bem lembrou, talvez devido aos prazos apertados o grande desenhista não tenha feito algo digno. Pelo menos a arte final ajudou. Mas em alguns momentos os desenhos são tão decepcionates (especialmente o Capitão América) que parece ser outro artista.

    O roteiro na terceira pessoa foi outro fator, talvez não negativo, mas como há tempos não utilizado, um tanto incômodo/arrastado.

    Sobre a equipe: já disse no post anterior – concordo com o velho Chris Claremont: X-Men bom é X-Men marginalizados. Esse negócio de mandá-los para a casa grande… não dá… ainda mais a Vampira!!!! (putzgrila: a guria simplesmente deixou aquele ar de garotafodona.com dos anos 80 pra um cocozinho certinho defensor da moral de dos bons costumes. wtf????). Já o Alex… esse sempre foi um chatinho mesmo. Sempre do contra (não tão certinho como diz o capitas, diga-se de passagem).

    Pelo menos, como lembraste, o fator de cura do Wolverine lembrou os bons tempos dos anos 80, e não aquela “coisa” que o personagem desenvolveu nos últimos 15 anos.
    Por enquanto ainda estou a torcer pelo Apocalipse no próximo arco. Para ver o quanto essa revista tem me decepcionado…. hahaha
    abraços

    Curtir

    1. Eu concordei com vc em tuuuuuuuudo, cara, mas dizer que a Anna Marie é defensora dos bons costumes ????? A Vampira é uma das mulheres mais marginais do mundo das HQs (não é atoa que a amizade dela e do Wolverine só cresceu com o tempo né) Vampira = Beleza, Impulsividade,Alto Suficiência Sadismo, Ódio e Doçura.

      Curtir

  10. EDITORIAL SANTUÁRIO :

    Segunda – Arte do devoto

    Terça –
    Fabulosos Vingadores #4

    Quarta – O Questão III

    Quinta – O que aconteceria se…

    Sexta – BATMAN!!!

    Sábado –
    Umas Tiras da Pesada!

    Domingo – O Quarto Mundo de Jack Kirby!
    o

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s