QUEM SE LEMBRA? O STARMAN de ROGER STERN e TOM LYLE

_0000_passado

por Venerável Victor “tratador de macacos novamente reanimado” Vaughan

Img-de-CapastarmanQuem foi criança antenada na década de oitenta e acompanhava a revista da Abril, DC 2000, deve se lembrar desse querido herói da editora do Super Homem e cia. (que não era de longe o primeiro a usar esse codinome, lógico) e que acabou sendo esquecido pela indústria uma vez que o britânico James Robinson assumiu a tarefa de reformular o conceito e emplacou sua nova versão do mito.

Starman (Will Payton) – criado por Roger Stern e Tom Lyle

Uma das coisas que mais me agrada nessa série é o fato de que seus criadores, Stern e Lyle, escreveram e desenharam absolutamente as vinte e cinco edições da revista até o fim. Algo relativamente pouco comum na indústria de quadrinhos, salvo excelentes exceções.

Starman era um genial conceito idealizado por Roger Stern e enquanto ele estava em desenvolvimento, a DC decidiu que seria interessante interligar a revista com a mega saga da época: INVASÃO! (leia aqui sobre essa saga) Na verdade, muito antes da própria “Invasão!” de fato ser lançada para os leitores. Realmente seu título foi o mais correlacionado com essa interessante história do que qualquer outra revista de herói da editora na época. Mesmo os que eram escritos por Keith Giffen, o arquiteto dessa saga.

O conceito básico dessa revista era algo extremamente familiar com o que o saudoso Dwayne McDuffie iria fazer anos mais tarde em seu personagem Super-Choque (ou Static para os neófitos). Por anos, os quadrinhos beberam na fórmula mágica do “Novo Homem-Aranha”. Vários e vários roteiristas evocavam o conceito básico e de sucesso de Steve Ditko e Stan Lee, que se baseava em uma série sobre uma pessoa “normal” que subitamente ganhava poderes fantásticos. Essa ideia foi usada e abusada antes do Starman em questão aqui, Kyle Rayner (um dos Lanternas Verdes) é um bom exemplo contemporâneo e essa mesma ideia continuará sendo usada porque é um ótimo conceito.

STARMAN (Will Payton) o grande herói do Estado do Arizona!
STARMAN (Will Payton) o grande herói do Estado do Arizona!

Entretanto o que fazia do Starman de Roger Stern um pouco diferente dos demais heróis baseados sob a mesma premissa é que ele era bem mais meta-ficcional que qualquer outro personagem já criado. Aqui tínhamos um cara que antes de ganhar seus poderes, estudava a vida dos super seres existentes na Terra e ao ganhar suas habilidades, baseou sua conduta sob a ótica de como um super herói deveria agir.

Você dificilmente encontra esse nível se realismo na indústria dos comics. McDuffie assumiu essa ideia e a utilizou de outra forma com seu “Super-Choque”, quando o jovem Virgil começa a estudar as atitudes dos heróis ficcionais e passa a copiar suas ações em suas missões. No entanto na série Starman, a influência é atual e real, já que Will Payton estuda o comportamento dos próprios heróis DC que são “reais” no mundo em que vive.

Tom Lyle, que muitos se lembram por sua passagem pelo Homem-Aranha nos anos noventa, co-criou o Starman com Stern e ele fez um trabalho muito bom durante o título, entretanto seu traço foi se aprimorando a medida que a série avançava. Antes da revista estrear ele era um desenhista regular no mercado por muito pouco tempo e ainda tinha muito que crescer como artista. Mas ao fim da série ele havia melhorado visivelmente e hoje é o desenhista de traço polido e valor incontestável que conhecemos.

Aqui em baixo temos algumas páginas da primeira edição dessa interessante série dos anos 80, possivelmente uma das melhores revistas de herói dessa década, que talvez tenha pecado por nunca ter emplacado um vilão de respeito em seus dois anos de vida.

payton1

payton2

payton3

payton4

payton5

payton6

Linha Mortal foi o vilão mais emblemático que a série teve (daí você já vê como ela era fraca de antagonistas…) e só foi apresentado na décima quinta edição. Esse personagem foi o único elemento que sobreviveu até antes do atual reboot da editora.

payton7

E próximo ao fim da série somos apresentados ao novo visual do herói na última página da revista.

payton12

S_Final

Anúncios

18 comentários sobre “QUEM SE LEMBRA? O STARMAN de ROGER STERN e TOM LYLE

  1. Cara eu adorava este Starman pena que acabaram com o heroi,historias humanas,cotidianas e cheias de surpresas onde observa-vamos o cotidiano de um heroi
    comum.a procura de emprego,com problemas do dia a dia…acho que foi a primeira historia que li onde o peso das escolhas heroicas afetavam sua vida,diferente dos herois comuns onde havia tempo pra tudo ao mesmo tempo…esse heroi foi sem duvidas um dos melhores ja criados na minha opnião…pena que terminaram com sua historia de uma forma muito triste…pra quem tem alguma duvida e so procurar pelo Google a origem dos Starman( foram 6 se não me engano).mas pra resumir adorava suas estorias DC 2000 esta revista em formatinho Abril era muito boa

    Curtir

  2. Maravilhosa matéria venerável. É muito bom estar de volta ao Santuário para ler seus posts e do Garrit (y). E muito bom também é relembrar que Starman não é só do James Robinson rs

    Curtir

  3. Tem alguém nesse mundo que não curta esse Starman? Por mais que o seguinte, criado por James Robinson seja melhor? E outra, Roger Stern é um dos roteiristas mais injustiçados dessa e de qualquer outra Terra! Tava com saudade de você aqui,Venerável!

    Curtir

  4. Eu não conhecia nenhum StarMan da DC e foi quando apareceu este novo StarMan que achei que tinha de tudo para até mesmo ganhar sua própria revista no Brasil.Eu acompanhava a DC2000 justamente por causa dele,do Homem Animal e do Xeque Mate porém as coisas não sairam como se esperava.Espero que nesse reboot tragam o personagem de volta com toda a força que ele merece porque ele merece ser bem escrito e não foi bem conduzido em sua estréia.

    Curtir

    1. pow Maurício concordo plenamente com vc! Eu adorava esta revista,esse Starman pra mim era a melhor versão, ja li os outros e nao achei nenhuma graça…e como se aproveitassem o sucesso desse personagem para promover outros anteriores se vc dar uma olhada no google vai ver a bagunça quie fizeram para matar o Will Payton( o 5º Starman)

      Curtir

  5. Sem querer ser chato, esta série teve 45 edições (e não 25). E Stern e Lyle não ficaram do início ao fim.Ttom Lyle desenhou até ma 25 e o Roger Stern escreveu até um pouqinho mais.

    Mas, independente destes detalhes, ótima resenha. Foi uma HQ que marcou época. Muito divertida. Deixou saudades;

    Curtir

  6. EDITORIAL SANTUÁRIO:

    Segunda- O MYSTERIO DA GARRA CINZENTA !!!
    Terça- O STARMAN de Roger Stern e Tom Lyle
    Quarta- MULHER MARAVILHA
    Quinta- OS 10 MAIORES SUPERGRUPOS
    Sexta- QUADRINHOS
    Sábado- UMAS TIRAS DA PESADA
    Domingo – QUADRINHOS

    tardis

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s