ARROW: Para os fãs comemorarem! Uma resenha quádrupla!!!!

cine sant´s

CAPAResenha dos episódios 11 a 14 da 2º temporada de Arrow.

Saiba mais sobre a série e leia a resenha do 10º episódio AQUI. 

Atenção: Contém SpoilersRevelações sobre a história!

4

Por Rodrigo Garrit

Episódio 11: BLIND SPOT

A caçada desenfreada do Arqueiro pelo Irmão Sangue continua, muito embora ele esteja longe de conseguir qualquer pista. Laurel é a única pessoa que acredita ter certeza sobre a culpa de Blood, mas está prestes a cair numa teia de mentiras com a intenção de desacreditá-la perante todos.

Tudo está bem quando acaba bem? Ou quando seu inimigo apenas te faz acreditar que tudo está bem apenas para te atacar quando você menos espera?

Roy Harper está mais forte e mais rápido do que um ser humano normal deveria ser capaz, depois de ter sido infectado com a droga Mirakuru. Suas feridas se curam rapidamente e seus reflexos estão apuradíssimos… mas sua relação com Thea está desmoronando, pois sua mente não está em harmonia com as mudanças em seu corpo. A única pessoa em quem ele confia é Sin, a quem revela o segredo sobre as mudanças que está passando, e ainda pede sua ajuda para colocar seus novos “poderes” em prática, procurando algum bandido para colocar na cadeia. Sin  se coloca como isca de um assassino de prostitutas, até ser resgatada por Roy, mas ele perde o controle e quase mata o criminoso.

Esse episódio mostra pela primeira vez Slade Wilson em ação com o traje do Exterminador, embora numa rápida sequencia e não contra Oliver. Seus planos de vingança prosseguem lentamente e ainda deve demorar até que ele e o Arqueiro se enfrentem. Sebastian Blood está literalmente de joelhos, a mercê de Wilson, que conduz as cordas nos bastidores e o encaminha direto para a prefeitura de Starling City.

Nos quadrinhos, tanto Blood quanto o Exterminador são dois dos maiores inimigos dos Novos Titãs.

Foi bom ver que a personagem Sin não foi deixada de lado, e aparentemente deve continuar a ter destaque na trama. Os fãs de quadrinhos lembram-se de sua versão nas páginas do título “Aves de Rapina”, onde a menina foi criada para ser a sucessora de Lady Shiva, a assassina mais letal do planeta, mas foi salva e acabou sendo adotada por Dinah Lance, a Canário Negro.

Interessante também é ver a batalha de Roy para controlar a substância Mirakuru em seu corpo. Nos quadrinhos, o personagem teve graves problemas como dependente químico, e lutou muito para perder o rótulo de “viciado”. Na primeira temporada, vimos que Thea (a quem Oliver apelidou de Speedy) tinha problemas com a droga Vertigo, mas conseguiu se recuperar. É possível que algo similar ocorra agora com Roy em sua versão televisiva, principalmente porque Oliver decide treinar o garoto a fim de ajuda-lo a se manter no controle. Pode surgir daí a parceria que existia nas HQs, onde o personagem começou como sidekick do Arqueiro Verde sob a identidade de Ricardito (Speedy, no original), foi membro fundador da Turma Titã e depois veio a usar as alcunhas de “Arsenal” e “Arqueiro Vermelho”. Atualmente ele voltou a se chamar de Arsenal, sendo um dos protagonistas do título “Capuz Vermelho e os Foragidos”, junto do ex-Robin Jason Todd e da alienígena Koriander, a Estelar, que fez história junto aos Novos Titãs.

6

Episódio 12: TREMORS

“Eu passei cinco anos em um pesadelo. Mas se aprendi algo que possa ajudar Roy agora… então tudo valeu à pena”.

Oliver Queen

Bem Turner, o Tigre de Bronze, é solto da prisão Blackgate por um traficante de armas internacional para realizar uma pequena missão… roubar o protótipo da máquina geradora de terremotos que matou centenas de pessoas em Starling City há pouco tempo.

Oliver continua tentando ensinar Roy a controlar sua raiva – e seus novos poderes – adquiridos após ter sido inoculado com a droga Mirakuru. Mas as coisas não avançam da forma que ele queria, e será preciso que o Arqueiro deposite um voto de confiança. Oliver se sente culpado por não ter conseguido ajudar Slade Wilson quando estavam na ilha. Slade também recebeu a droga Mirakuru e tornou-se poderoso e insano.

Ao mesmo tempo, Oliver se envolve no caso do Tigre de Bronze. No decorrer da investigação, ele consegue descobrir a identidade do traficante que contratou o mercenário e vai em seu encalço, entrando em confronto com ele, contando com a ajuda inesperada de Roy.

Sebastian Blood ainda está no jogo, mas Walter, o ex-marido de Moira Queen, Mãe de Oliver, a procura para fazer uma proposta inusitada: ele quer que ela se candidate a prefeita para concorrer com Blood.

Laurel está tendo grandes problemas com bebidas e medição controlada, o que lhe custa o emprego e talvez a sua licença para advogar. Ela está entrando em um novo rumo para sua vida, e não deixa ninguém se aproximar para ajudar. Mas a pedido de Oliver, sua irmã Sara, a quem ela acredita estar morta, retorna à cidade para tentar ajuda-la.

Arrow-Black-Canary-586x437

Um episódio bem movimentado em que muitos elementos novos são lançados ao pano de fundo que já existia.  Ainda temos o problema de Sebastian Blood, vulgo Irmão Sangue, manipulado por Slade Wilson, vulgo Exterminador se tornar prefeito da cidade. A candidatura de Moira concorrendo com ele certamente colocará sua vida em perigo, tornando o caso ainda mais pessoal para Oliver.

Também temos pistas de que o traficante de armas que tirou o Tigre de Bronze da prisão trabalhava para alguém da Markóvia… e assim começam a referências aos quadrinhos do episódio.

Nas HQs, a Markóvia é o país natal de Brion Markov, príncipe do pequeno estado monárquico europeu. Brion também é herói conhecido como “Geoforça”, cujo poder é basicamente causar abalos sísmicos, exatamente como o protótipo da máquina que foi usada para destruir parte de Starling.

Vale mencionar que Brion tinha uma irmã chamada Tara Markov… ela foi uma importante integrante dos Novos Titãs, conhecida como Terra…  até traí-los… pois na verdade ela trabalhava para um certo mercenário chamado Slade Wilson… agora imaginem o potencial disso usado na série…

Falando em Slade, no Flashback da ilha, Oliver menciona o filho dele, Joe, e que a falecida Shado gostaria que ele conseguisse um dia reencontrá-lo. Nos quadrinhos, Joe Wilson, o filho do Exterminador também foi um Titã, conhecido como Jericó. Ele havia ficado mudo após ter a garganta cortada por um dos inimigos de seu pai, mas tinha o poder de possuir o corpo das pessoas ao fazer contato visual.

E fechando com chave de ouro, o Tigre de Bronze é procurado por uma mulher chamada Amanda Waller, que o convida a fazer parte de um “Esquadrão”… os fãs de quadrinhos sabem que ela é a cabeça do “Esquadrão Suicida”, que recruta criminosos para missões secretas em troca de reduções em suas penas ou até mesmo o perdão definitivo.

Além do Tigre de Bronze, outros dois personagens que participaram do Esquadrão, já apareceram em Arrow: o Pistoleiro e o Conde Vertigo. Mais possibilidades vão se formando no horizonte…

?????

Episódio 13: HEIR TO THE DEMON

Ou “Arqueiro Verde e Canário Negro contra a filha de Ras Al Ghul”!

Sarah voltou à cidade a pedido de Oliver para ajudar Laurel que passa por uma péssima fase. Mas a filha de Ras Al Ghul também está na cidade e vai fazer de tudo para leva-la de volta a Nanda Parbat, o refúgio da Liga dos Assassinos.

A filha de Ras apresentada no episódio, ao contrário do que a maioria poderia imaginar não é Tália, mas sim Nyssa. A personagem teve destaque nos quadrinhos na série “A Morte e as Donzelas” de Greg Rucka e Klaus Janson. Mas é importante ter em mente que apesar de não se tratar da Mãe de Damian Wayne, Nyssa também é fria e mortal.

Felicity está agindo na berlinda, e descobriu alguns podres da recém lançada candidata a prefeitura da cidade Moira Queen. Ela sabe que Thea é filha de Malcon Merilyn, o homem responsável pela destruição do Glades… Mesmo assim, Oliver decide manter seu apoio a candidatura de sua mãe, mas corta relações com ela. Nos quadrinhos, ele chegou a ser prefeito de sua cidade, uma realidade improvável mas não impossível de se acontecer na série.

prefeito

Sebastian Blood não gostou de perder o apoio de Oliver a sua candidatura, e até tentou intimidar Moira, mas ela mostrou não ser tão fácil de dobrar. Que outros segredos ela pode ter? Será que era mesmo assim tão inocente e manipulável ou nadava junto com os tubarões quando eles planejavam devorar a cidade?

Muitas e boas cenas de ação, principalmente nos combates de Oliver e Sarah (em sua identidade de Canário Negro) contra Nyssa e os ninjas da Liga dos Assassinos.

E como não poderia deixar de ser, muitas referencias aos quadrinhos também neste episódio: “Nanda Parbat” é um local místico do Tibet onde o personagem Boston Brand, o Desafiador (Deadman) encontrou-se com a deusa  Rama Kushna e teve seu espírito preso ao plano mortal, tornando-se um herói fantasma. A Nanda Parbat dos quadrinhos é um santuário pacífico, poucos têm acesso a ele e está longe de ser a base da Liga dos Assassinos de Ras Al Ghul como mostrado na série, mas a conexão estabelecida entre eles para o seriado foi pertinente.

5

Episódio 14: TIME OF DEATH

Um dispositivo avançadíssimo capaz de burlar sistemas de segurança é roubado das indústrias Kord, deixando um rastro de morte como efeito colateral, o que coloca o detetive Lance e por tabela, Oliver Queen no caso.

Sarah Lance parece ter voltado para ficar, e agora atua junto com o Arqueiro em seus casos. As coisas foram se montando lentamente, e antes que os telespectadores se dessem conta, estavam assistindo as aventuras do Arqueiro Verde e da Canário Negro contra o crime.

Com a ajuda de Felicity e Sarah (que se mostra boa em outras áreas além das artes marciais), eles descobrem a identidade da pessoa por trás do roubo do dispositivo… William Tockman, apelidado pela mídia como Rei Relógio devido a seus métodos minuciosamente sincronizados.

O episódio continua usando de flasbacks, alternando a ação no presente com os eventos ocorridos quando Oliver e Sarah estavam presos na ilha, e essas “mini-histórias”, vem se mantendo interessantes e pertinentes, sempre resgatando algum elemento que se encaixa com a situação no presente. A surpresa da vez foi a conexão existente entre Sarah e a personagem “Sin”, e como essa ligação surgiu dos tempos dela na ilha.

O Rei Relógio , o vilão “especialmente convidado” do episódio, é um velho conhecido dos quadrinhos, um homem brilhante que contraiu uma doença terminal e ficou obcecado em contar cada segundo dos seus dias.

Por falar nisso, como sempre, as referências aos quadrinhos continuam aparecendo para delírio dos fãs. A primeira e mais óbvia foi o uso das “Indústrias Kord”. Os leitores mais atentos sabem que essa é a empresa da família de Ted Kord, o herói conhecido como Besouro Azul, que atualmente está morto nos gibis, e apesar de ter sido substituído por uma versão mais jovem, ainda é muito amado pelos fãs e seria um grande reforço ao elenco de “Arrow”.

Outra referência, no mínimo curiosa, ocorre na sequencia em que Oliver tenta impedir que um ônibus se choque contra um trem. Na lateral externa do veículo, há um cartaz que aparece de relance, onde, a princípio pensei ter lido “Blue Beetle” (Bezouro Azul, no original), mas revendo a cena, percebi que estava escrito “Blue Devil”, o nome de um outro personagem dos quadrinhos conhecido no Brasil como “Demônio Azul”. Pra ficar ainda mais curioso, Sarah é contratada como bartender no Verdant, e conversando com Laurel, relembra que já havia exercido essa profissão nos tempos da faculdade, em um bar chamado “Oblivion”. O que uma coisa tem a ver com a outra? Nos quadrinhos, o Demônio Azul e outros personagens ligados à magia costumam se reunir no Bar Oblivion, que é um local secreto e exclusivo, que nem sempre está no mesmo lugar e pode surgir onde menos se espera.

Considerando que o santuário de  Nanda Parbat (local místico existente nas histórias do Desafiador, outro personagem frequente do bar Oblivion) existe em Arrow, será que existe possibilidade de vermos esses heróis na série formando uma nova versão da Liga da Justiça Dark? Especulações…

8

O que se pode dizer sobre Arrow com certeza é que o confronto entre Slade Wilson, o Exterminador e Oliver Queen é inevitável.

Temos tudo para presenciar o nascimento de um novo épico.

S_Final

Clique AQUI para curtir nossa página no Facebook! É gratuito e sempre será! ;)
Clique AQUI para curtir nossa página no Facebook! É gratuito e sempre será! 😉
Anúncios

5 comentários sobre “ARROW: Para os fãs comemorarem! Uma resenha quádrupla!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s