PREACHER – HISTÓRIAS ANTIGAS

Caramba… As coisas têm sido intensas até aqui. Muito bem. Vamos fazer uma pausa. A busca do Pastor Jesse Custer por Deus pode continuar depois.

Este quarto volume de Preacher reúne três especias publicados fora do título mensal, mostrando o passado de importantes peças na vida de Jesse. Assim sendo, temos aqui compilados as quatro edições da minissérie Saint of Killers (Santo dos Assassinos), e os especiais The Story of you-know-who (A História de Você-Sabe-Quem) e The Good Old Boys (Os Bons Camaradas).

Boa parte dessas histórias foram contadas na série de tevê, porém devidamente adaptadas e com alguns desdobramentos bem diferentes em relação a Eugene, Jody e T.C., mas nem tanto quanto ao Santo dos Assassinos, cuja versão televisiva foi bem fiel ao material original apesar de também divergir em alguns pontos.

Vamos começar por ele.

O SANTO DOS ASSASSINOS

Roteiro de Garth Ennis

Arte de Steve Pugh (partes 1, 2 e 4) e Carlos Ezquerra (parte 3)

A história do pistoleiro do Velho Oeste Norte Americano é assumidamente baseada naqueles antigos filmes que Garth Ennis sempre foi muito fã. Ele nos apresenta então o seu cavaleiro definitivo, um homem frio e com tremendo talento para matar. Mas ainda assim um homem, que conheceu uma bela moça e constituiu família, deixando para trás seus tempos de violência. Mas é claro que sua felicidade não durou muito. Com sua esposa e filhas doentes, ele precisou cavalgar até a cidade mais próxima onde conseguiria o remédio para eles, mas no caminho se deparou com uma corja de malfeitores que atrapalharam seu caminho e fizeram com que ele chegasse tarde demais para salvar sua família. Sedento de vingança, eles os perseguiu até o inferno… Literalmente. O fato é que o coração desse pistoleiro estava tão frio e vazio que simplesmente congelou as chamas infernais, deixando o demônio numa situação difícil. O Anjo da morte, no entanto, viu ali uma oportunidade de resolver o problema e se beneficiar, ao recrutar o cavaleiro como coletor de almas em seu lugar, uma tarefa ingrata a qual ele já estava farto. Assim sendo, ele retornou a Terra onde desferiu sua vingança contra aqueles que o mataram e prejudicaram sua família, tornando-se uma lenda entre todos os matadores… o Santo dos Assassinos, cujo mito permanece até os dias de hoje entre aqueles que sujam suas mãos de sangue.

A HISTÓRIA DE VOCÊ-SABE-QUEM

Roteiro de Garth Ennis

Arte de Richard Case

Um conto sobre um jovem chamado Eugene Root, numa família desfuncional, com pai violento, opressor, machista, racista e falso moralista, com uma mãe omissa sobrevivendo à base de álcool e calmantes e amigos questionáveis… Quem nunca? Curioso vermos a mãe dele em busca de ajuda com o pastor de sua igreja, mas o melhor conselho que consegue dar é um discurso demagogo que só a faz querer beber mais. Pior ainda quando esse pai é o xerife da cidade, que vive dando uma dura nos pequenos traficantes… Que estudam na escola de Root. Então temos essa série de eventos que o levam a se tornar uma das mais esdrúxulas personagens das histórias em quadrinhos… Não diz isso na frente dele, mas eu tô falando do Cara de Cu! Sofrer bullying na escola, ignorado em casa, e ser levado a crer que é um zero à esquerda… Elementos infelizmente comuns que acabam se tornando uma mistura explosiva na vida de muitos jovens. Junte a isso seu melhor amigo, “Pube”, outro jovem tão devastado emocionalmente quanto, completamente desequilibrado e obcecado por armas…

A vida declina ladeira abaixo numa sucessão de desencontros e tragédias com culmina com um pacto de suicídio que obviamente dá errado… E assim ele “renasce”, deformado, com uma nova atitude, e pronto a levar uma nova vida… Até que seu pai cruza o caminho de Jesse Custer e tudo dá errado de novo…

Misturando humor negro (jura?) com tragédia e talvez até uma denúncia social, Ennis nos conta assim a origem secreta do Cara de Cu!

OS BONS CAMARADAS

Roteiro de Garth Ennis

Arte de Carlos Ezquerra

Jody e T.C. estão pescando tranquilamente num lago.

Claro que em se tratando dessa dupla de psicopatas sádicos com sérios distúrbios sexuais, qualquer simples pescaria acabaria num banho de sangue com apostas de lutas clandestinas contra gorilas e traficantes internacionais perseguindo super modelos. A narrativa começa com a seguinte frase: “Um par de anos atrás antes de morrerem”, e com isso, Garth Ennis se liberta de qualquer compromisso ao contar essa história. O roteiro é uma grande paródia, propositalmente exagerado para que tenhamos uma pincelada de como é enxergar o mundo através dos olhos dos lacaios da diabólica Senhora Marie L´Angelle, avó nada adorável de Jesse Custer. Toda a ação parece ser ambientada num filme B dos anos oitenta, com um galã “macho alfa” pronto a salvar a linda mocinha que acabou de conhecer e se apaixonar, arriscando sua vida para protegê-la dos caras maus. Mas essa dupla de “protagonistas” não esperava encontrar com Jody e T.C., logo, esqueça todas as regras e aprecie a pilha de corpos e o sangue jorrando abundante pelas páginas. Divertido e visceral, diferente das duas histórias anteriores, esta não é obrigatória para a compreensão da continuidade de PREACHER, mas agrada ao mostrar um pedaço da escatológica vida desses dois canalhas.

Se liga no Santuário e não perca nenhuma resenha de PREACHER!

Vol. 1 – A CAMINHO DO TEXAS

Vol. 2 – ATÉ O FIM DO MUNDO

Vol. 3 – ORGULHO AMERICANO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s